Engate: usando com sabedoria

Acessório pode provocar acidentes se não for instalado corretamente.


Nos últimos anos, o uso de engates vem se tornando cada vez mais frequente. Muitos motoristas instalam o acessório para reboque, porém outros ainda o usam para proteger a traseira do veículo de batidas leves, embora essa não seja a sua função.

Mas, de acordo com a especialista Tatiana Oliveira, especialista de atendimento pós-venda da Engetran (uma das principais fabricantes de engates do País), a instalação correta do engate é fundamental para evitar danos ao veículo e acidentes. “Um engate mal instalado pode rasgar a longarina do carro e, também poderá se soltar do veículo junto com a carreta, provocando um acidente sério, inclusive danos a terceiros”.

O engate tem que ser instalado corretamente, em lojas especializadas. Somente profissionais capacitados podem executar a instalação do engate.

Em casos de batidas traseiras mais fortes, o proprietário do veículo deve inutilizar o engate danificado, pois não é recomendado reutilizar o acessório devido a deformação provocada em sua estrutura.


Dicas de como utilizar o engate:

- Os usuários que costumam tracionar reboques com seus veículos, devem verificar e reapertar o conjunto a cada mil quilômetros rodados.

- Não ultrapassar 80 km/h enquanto estiver rebocando uma carga.

- Verificar a instalação da cupilha (grampo que prende a bola do engate na estrutura) antes de realizar o reboque.


Fonte: Uol/ Carros

Tags: