A Importância do Fluxo de Caixa para o Sucesso Financeiro da Loja de Autopeças


Já abordamos temas importantes para a gestão e o sucesso de uma Loja de Autopeças, mas hoje vamos falar sobre algo que é considerado uma das principais ferramentas financeiras dentro de um negócio desse tipo: o Fluxo de Caixa.


Aprender sobre o Fluxo de Caixa vai ajudar a gestão na sua Loja de Autopeças, fazendo com que você tome as melhores decisões dentro do seu negócio. Por isso, vamos falar, em alguns tópicos, sobre esta ferramenta e mostrar o poder dela para descomplicar o seu negócio e principalmente as suas finanças.


Como funciona o Fluxo de Caixa?


O Fluxo de Caixa consiste em dois importantes processos: a entrada e a saída de dinheiro. É basicamente saber administrar e equilibrar esses dois pontos, isso fará com que você mantenha suas finanças sem confusão e com várias possibilidades de estratégias, já que estará sempre ciente do que entra e do que sai do seu caixa.


Além destas constantes, cabe também a análise das variáveis, que são as previsões de entradas e saídas, que também fazem parte do planejamento estratégico da sua empresa. Neste contexto entrariam as vendas parceladas aos clientes e as compras parceladas que você faz com seus fornecedores.

O que o SEBRAE diz sobre o Fluxo de Caixa?


Buscamos um material valioso junto ao SEBRAE (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) empresa de grande referência quando falamos em aprendizado de gestão em negócios, e identificamos dois tipos de Fluxo de Caixa:


1 - A organização de recebimentos já compromissados com pagamentos já compromissados. Isto é, compromissos que sua empresa já assumiu que levará a desembolsos futuros, bem como recebimentos futuros referentes a vendas já realizadas.


2 - E a organização de metas de recebimentos de vendas que sua empresa deve se empenhar para realizar no futuro, bem como compromissos que sua empresa deverá assumir e que levarão a desembolsos no futuro.


No primeiro caso, o formato de “Fluxo de Caixa” demonstra a situação financeira de sua empresa, como uma fotografia de fatos já ocorridos (por exemplo, as vendas e as compras realizadas). Você perceberá que este formato de “Fluxo de Caixa” exigirá uma atualização diária, ou pelo menos semanal.


No segundo caso, o formato de “Fluxo de Caixa” demonstrará a situação financeira projetada, com os compromissos que você sabe que poderão ocorrer no curto prazo, e que bem organizados favorecerão decisões acertadas. Este formato de “Fluxo de Caixa Projetado” pode ter uma atualização semanal ou até mesmo mensal. Ele servirá para você avaliar qual combinação de decisões financeiras (de receber e pagar), levará a uma rotina de saúde financeira da empresa. ”.


Como se familiarizar com o uso do Fluxo de Caixa?


Fazer uso dessa ferramenta se tornará um hábito rapidamente, isso porque, ela te ajudará em toda a organização financeira da sua loja. Com os exemplos citados acima pelo SEBRAE percebemos que o Fluxo de Caixa pode suprir diversas necessidades, seja o equilíbrio e manutenção da saúde da sua loja, seja para fazer projeções e criar metas com as entradas e saídas, alcançando novos resultados sem perder o controle financeiro da sua empresa. Com as práticas que formam o Fluxo de Caixa você poderá, ao final do mês, identificar o que é lucro e o que é prejuízo e ajustar o que for possível e necessário para o próximo mês.

Destaques finais


  • Crie seu Fluxo de Caixa e o alimente por 60 dias consecutivos, pesquisas mostram que você precisa desse tempo, em média, para criar um hábito;

  • Após esse período faça o Fluxo de Caixa Projetado e implemente novas estratégias para a sua loja, com tudo o que terá para receber e tudo o que pretende gastar;

  • Com o Fluxo de Caixa Projetado crie metas e preveja desajustes financeiros a tempo de ajustá-los antes que aconteçam;

  • Crie a rotina de analisar: receitas futuras, volume de vendas e gastos futuros. Esse exercício fará bem ao seu negócio;

  • Se com as novas rotinas você se sentir inseguro e perdido com as análises e os cálculos, procure cursos de gestão financeira, não tenha medo de ir atrás de aprendizado, um verdadeiro gestor nunca para de aprender.

  • Não se baseie apenas em fórmulas prontas, vá a fundo nos cálculos e busque qualificação também nessa área, afinal, é do seu negócio e dos seus lucros que estamos falando, e não queremos que nada passe despercebido;

  • Utilize planilhas, manuais e todo tipo de ferramenta que possa te ajudar a enxergar e entender todo o cenário financeiro do seu negócio;

  • Determine um período para avaliar seu fluxo de caixa. Isso vai ajudar a identificar os meses de maiores gastos e de maiores lucros, além de te fazer repensar as estratégias com os gastos variáveis;

  • Pratique, pratique e pratique de novo!


O Fluxo de Caixa em conjunto com o DRE, demonstrativo de resultados do exercício, tema que abordaremos em breve e que irá complementar este artigo, são os dois instrumentos mais importantes e populares na gestão financeira de uma empresa. E todo empresário que almeje o sucesso deve dominá-las para ter um bom embasamento para suas tomadas de decisões.


Baseados em todo o conteúdo que acabamos de apresentar, criamos a Planilha de Fluxo de Caixa para a Loja de Autopeças. Nela você poderá exercitar o que foi dito aqui e poderá visualizar de forma prática e dinâmica seus lucros e evitar possíveis prejuízos. Baixe agora a Planilha de Fluxo de Caixa para a Loja de Autopeças.




Matriz SP:   (11)  4138 8121  -  DDG: 0800 015 1173

Filial RS:      (51)  3041-8535  -  DDG: 0800 601 8535

Filial SC:      (48)  3089-7500  -  DDG: 0800 005 7070

Filial MG:    (31)  2138-6538  -  DDG: 0800 585 8535

Filial PR:      (41)  3202-0860  -  DDG: 0800 400 0860

  • Facebook Social Icon
  • Google+ Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram ícone social

© 2015 todos os direitos reservados a New Kar Distribuidora Ltda.